O Grande Gatsby

O_Grande_Gatsby

O Grade Gatsby (The Great Gatsby)

Autor: F. Scott Fitzgerald

Editora: L&PM Pocket (a versão que eu li)

Sinopse

“O Grande Gatsby é o romance americano definitivo sobre os anos prósperos e loucos que sucederam a Primeira Guerra Mundial. O texto de Fitzgerald é original e grandioso ao narrar a história de amor de Jay Gatsby e Daisy. Ela, uma bela jovem de Lousville e ele, um oficial da marinha no início de carreira. Apesar da grande paixão, Daisy se casa com o insensível, mas extremamente rico, Tom Buchanan. Com o fim da guerra, Gatsby se dedica cegamente a enriquecer para reconquistar Daisy. Já milionário, ele compra uma mansão vizinha à de sua amada em Long Island, promove grandes festas e aguarda, certo de que ela vai aparecer. A história é contada por um espectador que não participa propriamente do que acontece – Nick Carraway. Nick aluga uma casinha modesta ao lado da mansão do Gatsby, observa e expõe os fatos sem compreender bem aquele mundo de extravagância, riqueza e tragédia iminente.”

Fui ler esse livro porque eu vi que vai ter mais um versão para o cinema com o Leonardo Di Caprio (eterno Jack do Titanic) e Tobey Maguire (antigo Homem Aranha). E como eu gosto dos dois atores e vi que seria baseado no livro, decidi ler agora porque até a previsão de lançamento, minha memória ainda não vai estar mais fresca.

Esse é um dos dilemas que eu sempre enfrento né: ler o livro e depois ver o filme e assim, passar nervoso porque não adaptaram do jeito que devia ou ver o filme e depois meio que ignorar o livro porque a essência da história você já captou.

Decidi ler e confesso que demorei mais do que devia para um livro de 200 e poucas páginas. Mas apesar disso, gostei bastante do livro.

O livro é contado por Nick Carraway, um comerciante que se mudou recentemente para West Egg e tem como vizinho Jay Gatsby, um milionário que vive dando festas cheias de pessoas que muitas vezes nem conhece o dono da casa. Porém, Gatsby só mantêm essas festas grandiosas com um único objetivo: que por acaso, Daisy Buchanan, um amor antigo fosse até à sua casa para quem sabe poder reconquistá-la.

Mas uma dúvida paira na cabeça de todos os convidados. Ninguém sabe muito bem de onde Gatsby veio e como ele se tornou rico. Muitos dizem que ele mantinha práticas ilegais.

Devo confessar que nos primeiros dois capítulos, eu me arrastei pelas linhas e depois pelas páginas. Quando pensei em abandoná-lo, logo desisti porque como tudo na vida, temos que persistir né!? haha.

Ainda bem que eu não desisti porque conforme a história se desenvolvia, eu ia ficando cada vez mais apegada à história e querendo saber logo quem o Gatsby realmente era.

Posso dizer que eu no meu inconsciente sabia como ia terminar, mas me surpreendi pela maneira como aconteceu esse final.

Apesar de ser um pouco superficial no que diz respeito à história do Gatsby e dos outros personagens, o livro faz uma crítica à sociedade norte americana superficial e materialista dos anos 20 e ao “Sonho Americano”. Acho que nesse ponto vale a pena ler O Grande Gastby para ter um retrato da sociedade naquela época.

O-Grande-Gatsby-Poster

O filme estrelado por Leonardo Di Caprio, tem o lançamento previsto para Junho desse ano e tem como diretor Baz Luhrmann, que dirigiu Moulin Rouge e Romeu e Julieta (versão estrelada por Leo). Essa é a quarta adaptação e promete ser um dos destaques de bilheteria nesse ano de 2013.

O-Grande-Gatsby-13Dez2012

Quem sabe quando eu assistir o filme faça uma comparação entre livro e filme.

E aí, o que você acharam? Estou curiosíssima para ver essa adaptação para o cinema!

Anúncios

Comentar

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s