Recomendação: Meg Cabot

Já que falamos de filmes e seriados, resolvi falar um pouco de livros. Afinal, sou VICIADA em ler, minhas estantes já estão socadas de livros, não cabe mais nada. Até organizei de forma mais alegre, fiz uma rainbow bookcase! 🙂

Do meu Instagram ❤

E mesmo assim, toda vez que passo na frente da Livraria Cultura, da Fnac ou até mesmo da Saraiva, acho irresistível entrar e fuçar os pocket books em inglês – os que mais amo! Na Cultura, os livros costumam ter um preço muy amigo, principalmente para quem tem o cartãozinho deles (que é de graça), acaba saindo mais barato e você acumula ‘crédito’ pra sua próxima compra! 😉

Meus livros da Meg Cabot... tudo misturado! Português, inglês, faltando volumes... a impaciente aqui não conseguia esperar lançarem os volumes no Brasil e lia cópias encontradas na internet! ;x

Como sou muito tagarela, vou fazer posts diferentes com livros e autores que gosto muito… assim os posts não ficam (tão) cansativos! Começando com uma escritora que me conquistou bem cedo, a Meg Cabot. Um dos primeiros livros que me lembro ter lido e relido VÁRIAS vezes é o Diário da Princesa (Princess Diaries). Trata-se de uma coleção de 10 livros, na verdade, que Meg começou em 2000 e terminou em 2009.

A história de Diário da Princesa é sobre Mia Thermopolis, ou Amelia Mignonette Grimaldi Thermopolis Renaldo, seu nome oficial. Mia começa a escrever um diário para depositar seus sentimentos e frustrações de adolescente, que logo se transformam em desabafos surreais – ela descobre que é princesa de um pequeno país chamado Genovia e que é a única herdeira do trono. Uma responsabilidade que jamais esperaria, já que ela mal consegue passar em matemática.

 A narrativa é infanto-juvenil, já que o livro é em formato de diário de adolescente, mas não deixa de ser uma delícia ler os ocorridos do dia-a-dia de Mia. Recomendo para todas as idades, para quem quer se distrair e embarcar num mundo diferente do seu. E para quem é preguiçoso, e quer saber do que se trata antes, existe o filme baseado no primeiro livro, que aliás estreou a carreira de Anne Hathaway. Recomendo também!

Outra coleção de livros escrita por Meg Cabot que amo: A Mediadora (The Mediator). São 6 livros ao todo.

A Mediadora conta a história de Suze Simon, que sempre teve uma “habilidade” um pouco fora do comum: ela pode ver e falar com fantasmas. Não é algo que lhe faz muito feliz, muito menos quando ela se muda para a Califórnia e descobre que existe um fantasma de 150 anos chamado Jesse vivendo em seu quarto.

Essa história é gostosa de ler porque, assim como Diário da Princesa, é narrada pela personagem principal com um humor sagaz e, apesar de absurdas, conta histórias que ganham vida facilmente na nossa imaginação. Adoro a Suze, queria mais livros dela! 🙂

Além destas coleções, Meg Cabot escreveu livros para diversas idades. Para quem gosta de livros menos juvenis (e mais adultos), temos O Garoto da Casa ao Lado (The Boy Next Door), que conta história de Melissa Muller, jornalista de coluna de fofoca, somente com e-mails, mensagens instantâneas e artigos de jornais que a protagonista envia e recebe. É um livro hilário! Muito legal ver este tipo de vai-e-volta, não exatamente uma narração bonitinha, é uma forma diferente de contar uma história! 🙂

No mesmo “universo” da história de O Garoto da Casa ao Lado, Meg escreveu mais dois livros: Todo Garoto Tem (Every Boy’s Got One) e Garoto Encontra Garota (Boys Meets Girl). Mas amo mesmo é o primeiro livro! 😉

Outra série de livros da Meg, mais para adultos: Heather Wells Mysteries. São quatro livros entitulados Tamanho 42 Não É Gorda (Size 12 Is Not Fat), Tamanho 44 Também Não É Gorda (Size 14 Is Not Fat Either), Tamanho Não Importa (Big Boned) e Size 12 And Ready To Rock (novo). Os nomes assustam um pouco, mas os livros são ótimos!

Contam a história de Heather, ex-estrela do pop, que sofre diversas “tragédias” (seu namorado a trai, seu pai é preso, sua mãe foge do país com seu agente, ela é demitida) e passa trabalhar como uma espécie de monitora em um alojamento estudantil. Quando espera que sua vida vai se acalmar, uma estudante morre no campus, morte que é considerada acidental pela polícia, mas não por Heather. Ela passa a investigar e virar detetive nas horas vagas.

O último livro, Size 12 And Ready To Rock, vai ser lançado em julho deste ano! 🙂 Quero muito ler!

Por último, a coleção Rainha da Fofoca (Queen of Babble) é comédia pura! Conhecemos Lizzie Nichols, que não consegue guardar um segredo nem que a paguem…  isso a coloca em várias situações saia justa, que não falham em nos fazer rir ao ler os livros!

Mais livros da Meg!

Além destes livros, Meg escreveu vários outros divertidíssimos, como Garota Americana (All American Girl), Sorte ou Azar (Jinx), Pegando fogo (Pants On Fire), Como Ser Popular (How To Be Popular), Avalon High, entre outros!

Espero que tenham gostado do (looongo) post, que confiram os livros, e se já conhecerem  e gostarem da Meg, comentem falando dos seus livros preferidos!! 😉

O próximo post de recomendação de livros vai ser sobre a Janet Evanovich!

Anúncios

Publicado por

Amanda Braz

Professora de inglês, fotógrafa, publicitária, estudante de SI, apaixonada por cores. Sou de tudo um pouco. Addicted to: fotografia, design, arte, moda, livros, filmes, seriados, música, tumblr... enfim, tudo que é divertido e interessante!

2 comentários em “Recomendação: Meg Cabot”

    1. Ai, pra fazer as fotos dos livros da Meg acabei desarrumando uma parte! Hahaha droga, dpeois fui encaixar outros livros q tinha comprado e ficou estranho! Só eu mesmo pra mexer com o que tá bom já haha =(

Comentar

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s